Almoço com profissionais da RPC

Almoçamos, agora pouco, com o repórter Odilon Araújo, da RPC, bem como demais profissionais de imprensa dessa conceituada emissora paranaense, na Barraca do Valdir, localizada no espaço em que ocorre a Festa do Caranguejo.

Assuntos que poderiam levar a tarde toda, sobre os mais diversos temas, com um profissional de imprensa jovem, sério e, principalmente, que se mostra muito bem informado com tudo o que acontece no meio social e político de nosso litoral.

Valeu a pena!

Semana de importantes encontros políticos visando ao bem de Pontal do Paraná

Nelson Mademar: trabalho incessante pelo futuro de Pontal do Paraná

Quando me elegi, firmei o propósito sério de trabalhar arduamente em favor de Pontal do Paraná e sua comunidade. Quando fui eleito Presidente da Câmara, prometi que resgataria a imagem do Poder Legislativo perante a sociedade e as autoridades do Estado, que seríamos um Poder independente e fiscalizador do Executivo e, principalmente, buscaria incessantemente apoios políticos para trazer investimentos e recursos a Pontal do Paraná.

Por mais que a tarefa seja árdua e sempre tenhamos que enfrentar “forças políticas ocultas” que parecem querer apenas prejudicar nosso trabalho, mantemos nosso animo e afinco em alta para conseguirmos colher os frutos de um incansável trabalho político desenvolvido com seriedade, isenção e honestidade.

Exemplo disso foram os diversos contatos e reuniões estabelecidas essa semana.

Estivemos em Curitiba com o Deputado Kielse, onde o assunto sempre acaba derivando para as buscas de investimentos em Pontal do Paraná para o bem de nossa gente.

Estive, ainda, com o Secretário de Administração de Curitiba, José Richa Filho, onde pudemos constatar o prestígio que a Câmara Municipal readquiriu perante as autoridades do Estado e, ainda, alinhavamos projetos políticos futuros em que, certamente, nossa cidade apenas será beneficiada.

Fizemos reuniões, na minha casa, na terça-feira à noite com políticos e lideranças de Pontal do Paraná, das mais diversas vertentes, que nos procuraram para firmar solidariedade e apoio diante dos desmandos da administração Gimenes.

Na quarta-feira, estivemos ouvindo as reivindicações de lideranças de Ipanema.

Ontem, juntamente com Vereador Oseias, comparecemos na abertura da Festa do Caranguejo (a nota lamentável ficou por conta da ausência e descaso do Prefeito à uma das mais valorosas festas de noss litoral) e, depois, fomos a uma reunião poltica na casa do Vereador Barriga.

Hoje, estaremos reunidos com cerca de 30 lideranças de Pontal do Paraná.

Finalizando a semana, no sábado à noite, estarei com amigos na Festa do Caranguejo, na barraca do meu compadre Valdir.

Apareça por lá você também, prezado amigo leitor deste blog que concorda com nossas idéias e acredita que Pontal do Paraná merece muito mais!

Forte abraço!

Tataruga-gigante visita Pontal do Paraná

Animal, que corre risco de extinção, foi visto nesta quinta-feira no balneáriao de Atami-Sul. Biólogos monitoram os ninhos constantemente.


Os biólogos do Centro de Estudos do Mar (CEM), da Universidade Federal do Paraná (UFPR), tiveram uma surpresa na manhã desta quinta-feira (28): avistaram a tartaruga-de-couro, conhecida como tartaruga-gigante, retornando para o mar após fazer o sétimo ninho nesta temporada em Pontal do Paraná. O fato ocorreu no Balneário de Atami-Sul, por volta das 6h15.

A tartaruga-gigante – espécie que corre risco de extinção – veio até as areias de Pontal Paraná oito vezes nesta temporada, e em sete oportunidades fez ninhos. O primeiro no dia 28 de novembro de 2009 e o último nessa quinta. Essa foi a terceira vez que os biólogos conseguiram observar o animal, anteriormente isso ocorreu em 5 e 16 de janeiro. “A tartaruga-gigante ainda poderá desovar três vezes no nosso Litoral. Ela faz até dez ninhos por temporada”, explica a bióloga Camila Domit, do CEM. Cada ninho pode ter até cem ovos e não se sabe quantos serão fecundados.

Nossa distinta visistante possui 1,49 metro de carapaça, as maiores da espécie chegam a ter 1,8 metro.

A previsão é de que os nascimentos irão acontecer a partir de 10 de fevereiro. Esse fato será inédito, uma vez que não há registro de tartaruga-gigante no Litoral do estado. Segundo Camila, é comum que os ninhos sejam feitos no Litoral norte do Espírito Santo.

A bióloga explica que os sete ninhos foram feitos em uma extensão de dez quilômetros das areias de Pontal do Paraná, desde o Balneário de Barrancos até Pontal do Sul. A tartaruga-gigante procura áreas de restinga que fiquem mais longe da iluminação pública para desovar. “Quanto mais escuro estiver o local, maior será a probabilidade do animal confeccionar o ninho”, destaca Camila. O monitoramento das tartarugas é feito desde 2007 pelo Laboratório de Ecologia e Conservação de Mamíferos e Tartarugas Marinhas do CEM, em parceria com o Projeto Tamar. Em 2007 a mesma tartaruga-gigante desovou no Litoral do Paraná, mas os ovos não foram fecundados.

Vai começar a Festa do Caranguejo, em Shangri-lá

Em 2008, a Festa do Caranguejo contou com grande participação da comunidade e turistas

E começa hoje a tradicional Festa do Caranguejo, que acontecerá do dia 28/01 até 31/01, no Balneário Shangri-lá.

Tenho muito orgulho de ter sido um dos idealizadores desta festa, sendo, inclusive, o autor da Lei Municipal 507/04, que veio a institui-la, por ocasião de meu primeiro mandato como Vereador.

A festa cresceu, organizou-se e, contando com o empenho e dedicação de diversos comerciantes da região, tornou-se grande atração em nosso litoral, no mês de janeiro, sendo ponto comum de encontro e visita, inclusive, de grandes autoridades políticas de nosso Estado.

Assim, aproveito o espaço e convido a todos os amigos para prestigiarem a Festa do Caranguejo, em Shangri-lá, para que possamos, num clima familiar e de alegria, desfrutarmos as delícias da culinária de nosso litoral.

Evento: FESTA DO CARANGUEJO
Quando: de 28/01 (quinta-feira) a 31/01 (domingo)
Onde: Balneário Shangri-lá

A Revolta dos Comissionados da Prefeitura

Altos comissionados tentam se segurar no cabidão de empregos que se tornou a Prefeitura, mas não estão mais engolindo os destemperos do Prefeito

Soube agora pouco, por um Secretário da Prefeitura, que a quarta-feira (27/01) foi quente e os animos se exaltaram no Gabinete do Prefeito.

O motivo foi uma reunião promovida na terça-feira (26/01) por Fernando 277, que está querendo formar seu grupo para as eleições municipais de 2012. Como os altos comissionados do Prefeito já viram que o homem não está preparando ninguém para a sucessão e os nomes de preferência e confiança de Gimenes não conseguem decolar, a reunião do Fernando 277 contou com grande adesão das ditas “pessoas de confiança do Prefeito”.

Dentre as cerca de 30 pessoas, destaca-se as presenças entusiasmadas de Jaime da Fabíula, Murilo, Paulo Amódio, Wolnei Moroz, Nega e, até mesmo (quem diria), Dra. Virgínia Pedroso.

Como as notícias correm, na manhã desta quarta-feira, o Prefeito tratou de chamar todo esse “grupo” de sua “confiança” para descer o verbo. O Prefeito demonstrava a sua irritação com o fato de Fernando 277 não ter lhe comunicado acerca desta reunião. E mais revoltado, ainda, com o fato de seus altos comissionados terem seguido a vontade própria e não lhe terem pedido autorização para ir. Pode uma coisa dessas?!

As informações que chegaram dão conta que os altos comissionados estão fartos das grosserias e exigências do Prefeito e, ao que parece, dessa vez não baixaram totalmente a cabeça. O bate boca foi feio!

Sabe-se que o Prefeito Gimenes tem reclamado diariamente da insubordinação e falta de lealdade de seus comissionados. O preço que o Prefeito vem pagando para manter tantos comissionados com regalias, sobretudo numa época em que os serviços públicos estão sendo parcamente cumpridos sempre sob alegação de falta de recursos, tem sido alto e doloroso.

Por outro lado, é nítida a insatisfação de diversos comissionados que, em razão do cargo que ocupam, são tratados sem qualquer espécie de respeito pelo Prefeito.

O reflexo disso é um serviço público que não anda. O Prefeito não confia em quase ninguém que lhe rodeia. Os comissionados, por sua vez, detonam o Prefeito na rua. Nas reuniões que acontecem na surdina, isso é o que mais tem sido visto.

Enquanto isso, Fernando 277, que não tem nada a ver com isso, vai construindo a sua pretensa candidatura com um grupo formado pelas pessoas de confiança do Prefeito. Qual vai ser o final dessa história?

Salve-se quem puder…

Forte abraço!

Um futuro para Pontal do Paraná

Nelson Mademar foi convidado por José Richa Filho para debater acerca de futuros investimentos para Pontal do Paraná

Foi com muita honra que estive, ontem (26/01), em Curitiba, a convite do Secretário de Administração de Curitiba, José Richa Filho, conversando sobre as potencilialidades de Pontal do Paraná, especialmente quanto ao turismo, atividades portuárias e possibilidades de instalação de indústrias na área naval.

Levei ao Secretário a preocupação que tenho – que é partilhada pelos Vereadores Osni, Dr. Valdevino, Barriga e Oséias – quanto à inércia da administração Gimenes, que se fecha em picuinhas internas e parece não procurar se envolver com os grandes representantes políticos de nosso Estado a fim de trazer recursos para nossa cidade que, dessa forma, persiste em completo abandono.

Boas perspectivas de projetos futuros foram alinhavadas na reunião que teve mais de 3 horas de duração e retornei a Pontal do Paraná otimista quanto à boa imagem que a Câmara Municipal tem tido perante as autoridades de nosso Estado.

A conversa, evidentemente, também passeou pela política estadual. Mas isso é assunto pra outro dia…

Forte abraço!

Prefeito Gimenes e Vereador Aramis: relações abaladas?

Prefeito Gimenes quer distância do Vereador Aramis

A lua de mel havida entre o Prefeito Gimenes e o Vereador Aramis parece ter acabado.

Nem mesmo o Deputado Mauro Moraes, que era tido como importante elo da estreita ligação entre os dois políticos-irmãos, parece poder consertar a relação.

O Vereador Aramis defende o Prefeito na tribuna da Câmara. Mas nas ruas e reuniões fechadas, desce a lenha no homem! Sua mágoa consiste na frieza com que o Prefeito lhe trata, deixando-o na Câmara e não o convocando para assumir Secretaria alguma.

O Prefeito Gimenes, por sua vez, não esconde de ninguém que investiu pesado na campanha do Vereador Aramis para elege-lo e não ter que aturá-lo mais na Prefeitura. Como isso não bastasse, a assessoria política do Prefeito tem lhe alertado para afastar sua imagem da do Vereador Aramis, em virtude da rejeição altíssima deste perante a comunidade em face das promessas de campanha não cumpridas e do escândalo das casas populares.

O Prefeito parece ter acatado a ideia. Nessa semana, a Presidência da Câmara promulgou a Lei do Orçamento Anual para 2010 e, também, uma lei de autoria do Vereador Aaramis, que prevê uma parceria entre Poder Público e comunidade para limpeza de canais.

Dizem que o Prefeito não sancionou a lei do Vereador por dois motivos: um porque limpeza, de qualquer espécie, não é o forte, nem perfil de sua Administração. O outro, porque a lei era de autoria do Vereador Aramis, a quem o Prefeito promete acabar politicamente a partir de 2011.

Quem viver, verá.

FORTE ABRAÇO

Sapatada do dia

Essa saiu da boca de um comissionado do alto escalão da Prefeitura, que diariamente despacha com o Prefeito, em alto e bom som, dentre diversas pessoas num conhecido estabelecimento de Pontal do Paraná:

“O Gimenes é tão complicado que prefere ser titular no Rio Branquinho que reserva na Seleção Brasileira!”

Pode isso?! Definição perfeita de quem bem o conhece…

Forte abraço!

Gimenes: Mais uma promessa não cumprida

Melhorias na orla: mais uma piada do Prefeito!

Em março de 2009, a Prefeitura veiculou o que segue, em seu “site” oficial:

A Secretaria de Recursos Naturais de Pontal do Paraná estuda a realização de dois convênios com a Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel) que devem ajudar na preservação da área de restinga de toda a orla e ainda melhorar as áreas de balneabilidade.
O primeiro convênio, segundo explica o Secretário Wolnei Moroz, visa proteger a área de restinga de toda a orla. “A restinga é uma Área de Preservação Permanente e precisamos protegê-la, ao mesmo tempo em que temos que nos preocupar com a beleza e a qualidade de nossas praias”. Para resolver o problema, Moroz explica que estuda-se um convênio para aproveitar antigos postes de iluminação da Copel. “A Copel tem velhos postes de aucaliptos em seus depósitos. A idéia é que a empresa doe essa madeira para o município e com ela vamos fazer uma cerca, de uns 80 centímetros, que vai ajudar no isolamento das áreas de restinga, bloquear o estacionamento de veículos deixar a região mais bonita”.
O outro convênio, de acordo com Wolnei Moroz, visa substituir as árvores que interferem no sistema de iluminação da cidade e fazer o plantio de árvores nativas em toda a orla do município. “Além de fazer a recomposição da restinga com o replantio de espécies nativas e substituir as árvores de atrapalham o sistema de iluminação, vamos arborizar toda a orla. Este é um trabalho que pretendemos realizar ainda este ano e que, esperamos, já beneficie os veranistas na próxima temporada”, completou.
BANHEIROS – Outra conquista de Pontal que deve fazer a diferença na temporada do próximo ano, é a instalação de banheiros na orla. Mês passado o prefeito Rudisney Gimenes esteve em Curitiba participando de encontro com o governador Roberto Requião. Gimenes e aproveitou para reivindicar a instalação de banheiros públicos. No encontro o Governador prometeu implantar banheiros públicos nos balneários de maior movimento, solucionando um antigo problema.
Os banheiros, que devem ser construídos pelo Governo do Paraná, por meio de convênio com a Prefeitura, devem ser fixos e permanentes, ligados à rede de esgoto e com toda infraestrutura necessária para atender a moradores e turistas. Os balneários de Pontal do Paraná chegam a receber meio milhão de pessoas no período de alta temporada e precisam de infraestrutura para atender a essa demanda.

Claro que praticamente NADA disso foi cumprido. Tratava-se de mais uma piada do Prefeito, que sempre se caracterizou pelas falsas promessas.

Ruim para a imagem do Prefeito. Pior para o Município, que, diante da incompetência da Prefeitura, vai ganhando cada vez mais destaque negativo na imprensa estadual e espantando os turistas.

Vejam o que saiu no Jornal Gazeta do Povo:

Pontal do Paraná continua sendo a cidade do Litoral com mais casos de desrespeito à área de preservação de restingas.

Em dezembro de 2008, em apenas um dia, a Força Verde orientou 80 motoristas a retirarem os carros estacionados em área de preservação de restinga nos Balneário de Pontal do Sul.
Segundo o capitão Luiz Hávila Júnior, chefe do Setor de Plane­­jamento e Operações da Força Verde, as pessoas alegavam desconhecimento da legislação ambiental. Como não havia sinalização indicando ser proibido estacionar no local, ninguém foi autuado. Na época, a prefeitura disse que não havia verba disponível para a instalação da sinalização.

Um ano depois, a prefeitura foi notificada novamente pela Força Verde e não cumpriu a determinação de instalar sinalização. A Força Verde e o IAP irão reforçar a notificação hoje, em reunião com a chefia do gabinete do prefeito Rudsney Gimenes (PMDB), pois os materiais para a delimitação da área já foram entregues pelo governo do estado.

O diretor-geral da Secretaria de Recursos Naturais de Pontal do Paraná, Wolnei Moroz, diz que a prefeitura não recebeu os materiais a tempo. “Recebemos os primeiros postes no dia 24 de dezembro e não tínhamos como executar o trabalho sem planejamento”, diz. O diretor pretende se reunir com as associações de surfistas e com a Secretaria Municipal de Obras assim que as atividades do município sejam retomem no dia 4 de janeiro.

A coordenadora do IAP na Operação Viva o Verão, Adriana Ferreira, quer um prazo mais curto para que a prefeitura delimite as áreas. “Muitos carros são notificados em Pontal, mas não há sinalização indicando a área de preservação. Isso não pode continuar. Até sexta-feira a prefeitura vai ter de fechar as áreas”, diz.

O mais grave, contudo, é que informações dão conta que a COPEL cumpriu a sua parte em tempo hábil, mas a Prefeitura mais uma vez ficou olhando a banda passar…

É brincadeira?!

Não, é a administração Gimenes.

Lamentável.

Estado inaugura mais uma obra em Pontal do Paraná. Sem a presença do Prefeito.

A secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Lygia Pupatto, inaugurou nesta quinta-feira (14) o Curtume Artesanal do Couro do Peixe, em Pontal do Paraná. As instalações e equipamentos foram estruturados pelo projeto “Agregação de valor através do reaproveitamento de resíduos orgânicos do pescado em sistemas produtivos familiares”, que faz parte do programa Universidade Sem Fronteiras. Os investimentos, através da Secretaria e do Fundo Paraná, somam cerca de R$ 200 mil.

Estranhamente, o Prefeito Gimenes, que possuía presença confirmada no evento, não compareceu na solenidade. Comenta-se que sua presença foi vetada pelo Governo do Estado em razão do imbróglio criado na demolição e remoção de entulhos do antigo Clube Santa Mônica, em que o Prefeito proibiu a destinação de tais à Igreja e criou uma série de problemas à obra desenvolvida pelo Governo do Estado no local.

O desprestígio da administração Gimenes perante o Governo do Estado é tamanha, que, na divulgação do evento, pelo site da Agência Estadual de Notícias, sequer o nome do Vice Rubinho (que representou Gimenes) foi veiculado. Seu nome foi substituído por pontos de interrogação, conforme se vê aqui: http://www.aenoticias.pr.gov.br/modules/xcgal/displayimage.php?pid=114358&album=23399&pos=7

A comunidade pontalense agradece ao Governo do Estado por mais uma obra em nosso Município, mas demonstra preocupação com a péssima imagem que a Prefeitura está levando de nossa gente para as grandes instituições governamentais e autoridades de nosso país.

Forte abraço!